Presidente do Altos cai no choro após o time passar para segunda fase da Copa do Brasil

Presidente do pequeno Altos, do Piauí, Warton Lacerda se emociona depois de o Jacaré despachar o Atlético-GO na primeira fase. Clube vai ganhar R$ 600 mil por avanço

A classificação do modesto Altos sobre o Atlético-GO na primeira fase da Copa do Brasil incendiou as arquibancadas do estádio Felipão, no município de Altos, no Piauí, e fez o presidente do clube, Warton Lacerda, transbordar de emoção. O dirigente caiu no choro após a vitória por 2 a 1 sobre o rival goiano que ajudou ao time a dar mais um passo no torneio.  Emocionado com a façanha, o cartola não conseguiu segurar as lágrimas e foi abraçado pelos jogadores após o apito final.

– O choro sai naturalmente. Simplesmente sai. Você trabalhar duro e correto compensa. É choro de emoção em ver que o trabalho de forma correta vale a pena – declarou o presidente.

Dirigente é abraçado por time (Foto: Luís Júnior/Altos)
Dirigente é abraçado por time (Foto: Luís Júnior/Altos)

Essa não é a primeira vez que o Altos apronta para clubes de maior expressão na Copa do Brasil. Ano passado, o Jacaré eliminou o CRB, de Alagoas, com uma vitória por 2 a 0, em Teresina. Naquela ocasião, o presidente alviverde não conteve as lágrimas e chorou ao lado da torcida.

– A dificuldade é grande demais para manter isso aqui. É muita coisa, aluguel, alimentação… O jogo em si representava muita coisa. Representava a questão da história do futebol piauiense, de parar de ser sempre saco de pancada. Vejo com toda possibilidade que há luz para que o futebol piauiense cresça, mas precisa de incentivo. A cidade de Altos divulgada de maneira positiva – completou Lacerda.

Com a classificação à segunda fase, o Altos põe a mão em mais R$ 600 mil, além dos R$ 500 mil de cota de participação pela primeira fase. De acordo com a direção alviverde, a quantia concedida pela CBF deve ser destinada ao custeio dos salários do elenco na Série D. O Jacaré é o atual campeão piauiense e busca o acesso à Série C pelo terceiro ano seguido.

Jogoadores do Altos fazem festa depois de eliminarem o Atlético-GO na Copa do Brasil (Foto: Luís Júnior/Altos)
COMPARTILHAR