Quatro pessoas são presas em operação da Polícia Civil

As prisões foram realizadas após três meses de investigações que resultaram em pedidos de busca e apreensão nos endereços dos suspeitos

A Polícia Civil do Piauí por meio das Delegacias de Luzilândia e Esperantina, em parceria com a PM-PI (3ª Cia e 12º BPM), deflagraram nesta terça-feira (12/06) a Operação Molupa, dando cumprimento a Mandados de Prisão Preventiva expedidos pela Vara Única de Luzilândia. Os mandados foram em desfavor de José da Silva Araújo, mais conhecido como Tropeço, Maria Soraia Gomes Sampaio e Maria de Jesus Nascimento, mais conhecida como Nanca.

A Operação visa desarticular uma associação para o tráfico de drogas com atuação nos bairros Novo Oriente e Dilma Rousseff, na cidade de Luzilândia-PI.

O setor de investigação da Delegacia de Luzilândia procedeu ao levantamento das informações e diligenciaram nos locais onde ocorreram os fatos criminosos, constatando que os suspeitos integram a associação criminosa responsável pela exploração do tráfico de drogas nos bairros Novo Oriente e Dilma Rousseff.

As prisões foram realizadas após três meses de investigações que resultaram em pedidos de busca e apreensão nos endereços dos suspeitos, os presos estão recolhidos à disposição da Justiça e irão responder por tráfico de drogas.

Ainda durante a operação, foi dado cumprimento ao mandado de prisão expedido em desfavor de Antônio Lucas Alves Silva, pela prática de homicídio contra as vítimas W. C. S e F. A. F. N, atualmente custodiado na Penitenciária de Esperantina.

A operação foi batizada com este nome, porque MOLUPA foi um nome designado a alguns guerreiros que, apesar de estarem em pequena quantidade, conseguiram a todo custo promover a paz social de uma comunidade, apesar das ameaças de alguns criminosos.

A Polícia Civil aproveita o ensejo para solicitar à população local a realização de denúncias anônimas de crimes, medida esta que tem surtido efeito e traz benefícios a sociedade.