Irmã de Neymar é indiciada por falsidade ideológica

A influenciadora digital usava habilitação falsa após ter fornecido dados pessoais a uma funcionária do Detran

Rafaella Santos, irmã de Neymar, está sendo processada pela Justiça de São Paulo por crime de falsidade ideológica, de acordo com informações com o jornalista Léo Dias, do ‘Fofocalizando, do SBT.

Segundo a reportagem, ela  forneceu seus dados pessoais ao Detran de Hortolândia em 2015 antes de realizar as provas práticas e teóricas para tirar sua habilitação [ato chamado de ‘compra da carteira’], o que configura o crime de acordo com a lei brasileira.

Reprodução instagram

Apesar de responder o processo em liberdade, Rafaella deve cumprir algumas obrigações impostas pelos Juiz do caso: ela não pode se ausentar do País (ou até mesmo de seu endereço de residência) por mais de oito dias sem autorização, terá que informar caso mude de endereço e de dois em dois meses precisa se apresentar à Justiça.

O processo corre na 2ª Vara Criminal do Fórum de Santo André, em São Paulo.

Fonte: Metropoles